Instituto Cuca vence Araucária por 3 sets a 1 pela Superliga B de vôlei masculino

Com o resultado, único representante do Norte-Nordeste na competição nacional soma três pontos na classificação pela terceira rodada do campeonato

Por 3×1, o time masculino do Instituto Cuca venceu o Smel/Aspma/Berneck (PR), pela 11ª edição da Superliga B de vôlei masculino, neste sábado (5), em seu primeiro jogo em casa. A eletrizante partida contra o Araucária ocorreu no Cuca José Walter, e contou com presença em peso da torcida.

O jogo teve parciais de 25/17, 25/22, 22/25 e 25/22. Com isso, a equipe cearense – única representante do Norte-Nordeste na competição nacional, agora soma três pontos na classificação, nessa terceira rodada do campeonato.

Destaques

Em todo o primeiro set o Instituto Cuca esteve na liderança, abrindo vantagem de oito pontos (25×17). No segundo set, apesar do Araucária empatar, logo no início, o Instituto Cuca conseguiu rapidamente se distanciar, e segurou a vantagem, fechando o set em 25×22. No terceiro set, a disputa foi mais acirrada, e o time Instituto Cuca acabou cedendo o placar, com 22×25. No quarto e último set da partida, também acirrado, o Instituto Cuca reverteu a vantagem do Araucária, e fechou com 25×22, vencendo a partida por 3 sets a 1.

O time escalado neste sábado foi Nairton, Henderson, Saunders, Evandro, Gabriel, Jonathas, Juninho, Mussi, Gustavo, Pedro Igor, Cartaxo, Auden, Davi e Jean. Para o técnico Tarcísio Coutinho, o time tem muito a crescer e que gostou da concentração e determinação do elenco durante a partida. Ele atribuiu a vitória do time ao trabalho que foi feito nessa semana. “Fizemos um trabalho recreativo durante essa semana, tirando o peso da responsabilidade, que traz uma pressão psicológica, e isso contribuiu para a vitória da equipe na partida de hoje”, ressaltou. Ele destacou, também, a importância da torcida e da estrutura que o Instituto Cuca oferece para para juventude e para os atletas. “Nenhuma equipe do Estado teve uma estrutura semelhante, destacando se tratar de atletas amadores”, acrescentou Tarcísio.

Embora a meta seja ficar entre os quatro primeiros da superliga B ele não descarta o acesso à série A. Segundo ele, a palavra do jogo foi atitude. “Atitude de reverter os resultados anteriores, jogando com alegria e prazer”, enfatizou.

O supervisor do time Instituto Cuca, Malbha Tahan, destacou o potencial do time, o qual faz questão de evidenciar para a partida deste sábado. “Nossa equipe tem um potencial muito grande de desempenho. Temos trabalhado o lado psicológico da equipe e os ajustes de jogo visando o próximo adversário”, pontua. Das 10 equipes que estão na competição, “a única 100% amadora, e formada, em sua maioria, por jovens da periferia, é a nossa” ressalta o supervisor. Ele destacou, também, todo o apoio do Instituto Cuca aos atlelas, com psicólogos, assistentes sociais, preparador físico, fisiologista e massagista sem esquecer da torcida maravilhosa que fez todo o diferencial.

O time Instituto Cuca volta à quadra no próximo sábado (12), às 13 horas, contra o Minas Náutico, no ginásio Arena Minas, em Belo Horizonte-MG.